Para uma boa vivência de uma empresa, é necessário que a mesma esteja cumprindo as normas estabelecidas na CLT. Por isso, sempre que necessário, é sempre bom emitir certos documentos que comprovam esta situação. Isto porque nunca se sabe quando poderá usar. Um dos documentos essenciais para as empresas que pagam o FGTS à seus funcionários é o CRF FGTS CAIXA. Você sabe do que se trata? Não? Leia o artigo abaixo e aprenda.

Certidão Negativa FGTS

Certidão Negativa FGTS – CND de débitos do Fundo de Garantia da Caixa

O que é CRF FGTS CAIXA?

O empregado não pode saber, mas o certificado de regularidade do empregador é um documento no qual atesta (ou não) se o empregador está de acordo com o pagamento do FGTS à seus funcionários. Este documento é emitido pela Caixa Econômica Federal, o banco responsável por realizar o pagamento deste benefício para milhões de brasileiros.

Como funciona CRF FGTS CAIXA

A emissão da CFF FGTS é feita gratuitamente pelo portal da Caixa Econômica Federal, e pode ser emitida por qualquer pessoa sobre qualquer empresa, desde que se tenha a mão o número do CNPJ da empresa, ou o CEI acompanhado do UF do estado na qual a empresa está sediada.

CRF Fundo de Garantia

Exemplo de CRF negativa de débitos do Fundo de Garantia Caixa

Essa certidão comprova que a empresa está em dia com as contribuições do fundo de garantia do seu quadro de funcionários, ou seja, que a empresa este depositando mensalmente o equivalente a 8% do salário do empregado em sua conta do fundo de garantia.

Essa certidão é mandatória, caso e empresa deseje participar de uma licitação, ou solicitar um empréstimo, financiamento ou linha de crédito.

Consulta regularidade do empregador

A consulta regularidade do empregador pode ser feita de forma simples e rápida. A consulta se resume a poucos passos, no entanto, para que proceda é necessário que tenha duas informações essenciais de sua empresa em mãos: o número do cadastro específico do INSS, conhecido pela sigla CEI, e também o número do cadastro nacional de pessoa jurídica, o CNPJ. Com estas informações em mãos, basta apenas seguir os passos abaixo.

  1. Acesse à área de serviços ao cidadão, do site da Caixa Econômica Federal, pelo seguinte endereço eletrônico:
    CRF FGTS
  2. O usuário terá que preencher um pequeno campo. Primeiramente, deve escolher qual informação vai usar, a CEI ou CNPJ. Escolhido o tipo de inscrição, digite a sequência numérica. Logo depois, deve ser escolhido o estado em que a empresa está inscrita. Por fim, o código de verificação que está sendo exibido na imagem deve ser reproduzido no espaço dedicado.
  3. Ao término do preenchimento dos campos, o usuário deve clicar em ‘consultar’. Caso todas as informações fornecidas estejam corretas, o usuário será redirecionado a área de consulta a regularidade do empregador.

Após aparecer a área de consulta, o proprietário deve selecionar uma das opções, caso tenha várias. Então, será redirecionado a outra página. Nesta página, o usuário obterá a informação se a empresa estar regular perante o FGTS, assim como o número da inscrição, razão social e nome fantasia. Além disso, o sistema oferecerá duas opções: consultar o histórico do empregador e também obter o certificado de regularidade do FGTS – CRF.

Artigos Relacionados

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...